Know-how que conecta.

Há muitos anos, a motan dispõe, para suas inovações, de uma rede de know-how de especialistas na indústria plástica. As trocas profissionais e o trabalho em equipe das partes envolvidas não apenas incentivam um capital de ideias, como também elevam os requisitos quanto ao desenvolvimento e à qualidade dos produtos.

Temos como base a troca contínua com nossos clientes e parceiros do ramo para o desenvolvimento de produtos, processos, aplicações, bem como serviços e modelos de negócio, tendo sempre em vista a preservação de recursos).

Além dos clientes, numerosas cooperações com instituições e unidades de formação e pesquisa formam com a motan um círculo de especialistas selecionados, com os quais estamos sempre pensando em soluções inovadoras, concebendo-as e colocando-as em prática.

Nossa rede

SKZ - A central do plástico

Temos firmada com a SKZ desde 2015 uma cooperação na área do campus da motan, o programa de ensino motan. Os membros da SKZ possibilitam-nos ocupar posições superiores na equipe – a fim de que nos conectemos, tiremos proveito do conteúdo proposto por seus excelentes contatos e nos apoiar em nossos interesses e ideias em relação ao plástico por meio de projetos de pesquisa e de como implementá-las.

 

“Inovação é muito, muito mais do que simplesmente ter uma ideia. Em última instância, trata-se de fabricar um produto de verdade a partir de uma ideia.” - Prof. Dr. Eng. Martin Bastian (Diretor Institucional do SKZ)

IKV - Instituto do Processamento de Plástico na RWTH de Aaachen

O Instituto do Processamento de Plástico é um motor de inovações e parceiro de pesquisas no ramo dos plásticos. Um conhecimento abrangente e experiência de longa data a propósito de todas as áreas da técnica plástica possibilitam ao IKV uma posição única na Alemanha. O trabalho em equipe entre a IKV e a motan-colortronic é multifacetado. A motan-colortronic apoia diversos projetos por meio do empréstimo de aparelhos, sendo acompanhada e aconselhada pelo IKV na realização de novas ideias.

“Por mais que nos alegremos com o conhecimento científico, só ficamos realmente satisfeito quando conseguimos implementá-lo na prática.”- Professor Christian Hopmann (diretor do instituto e docente)

LIT (Instituto Tecnológico de Linz) da JKU (Universidade Johannes Kepler) de Linz

A JKU de Linz desempenha desde sua fundação um papel de liderança em inovações tecnológicas. O LIT representa o departamento de engenharia de Linz, conectando pesquisadores e pesquisadoras de diversas áreas profissionais e faculdades do ramo tecnológico, bem como estimulando, por meio da alocação de recursos, pesquisas técnicas interdisciplinares do mais alto nível. Com o projeto farol, a LIT Factory preparou para a JKU Linz, em estreita colaboração com a Indústria e a KMU, uma fábrica de pesquisa industrial inteligente 4.0. A motan-colortronic também se envolveu na área dos plásticos e colaborou no projeto para o futuro “LIT Factory” e com o Instituto de Extrusão e Composição de Polímeros.

“Sem os plásticos e seu constante melhoramento, a nossa sociedade moderna não seria imaginável.”

VDMA – Associação Alemão dos Fabricantes de Máquinas e Instalações

Seus 3.200 membros fazem da VDMA a maior organização em rede dentre os fabricantes de máquinas europeus. A associação representa os interesses econômicos, técnicos e científicos dessa indústria multifacetada. Assim como a motan-colortronic, mais de 200 empresas são membros da associação profissional de “máquinas para plástico e borracha”. Ela cobre mais de 90 porcento da produção da Alemanha na área. A motan-colortronic é membro da VDMA desde 2013, sendo a diretora-gerente Sandra Füllsack membro do conselho administrativo da associação profissional da VDMA desde 2015.

A associação profissional representa os interesses de seus membros em grêmios normativos nacionais e internacionais, incentivando sempre a pesquisa entre seus membros. São temas atuais, dentre outros, a Indústria 4.0, Sustentabilidade, Impressão 3D, eficiência energética e integração de funções.

 

“Uma política de inovações também pode contribuir para com uma classe intermediária de inovações industriais. A pesquisa industrial conjunta é uma pérola no sistema de inovações alemão, a qual precisa ser ‘polida’ de maneira sustentável.” - Hartmut Rauen, representante do diretor-geral da VDMA